Farol Reportagem Posts

abril 16, 2017
abril 12, 2017
março 31, 2017
março 2, 2017
fevereiro 16, 2017

Auditoria do Tribunal de Contas diz que não é possível distinguir a propaganda institucional do governo estadual das peças usadas na eleição que reelegeram o atual governador. Técnicos também contestam uso de slogans em favor da atual gestão, anúncios de projetos e obras não concluídos e revelam uma reserva para gastos, em plena crise das contas públicas, de R$ 48,3 milhões em apenas nove meses de 2016, valor bem acima dos R$ 39,9 milhões de todo ano de 2015.

>>Leia mais Propaganda do governo Colombo é irregular, afirma Tribunal de Contas

fevereiro 8, 2017

Ex-secretário de Segurança de Florianópolis e delegado federal, Raffael De Bonna, é investigado por crime eleitoral pela Polícia Federal (PF). Inquérito aberto a pedido do Ministério Público de Santa Catarina (MPSC), ainda em agosto de 2016, também indiciou Júlio Pereira Machado, o Júlio Caju, na época no cargo de subsecretário da mesma pasta, e mais um guarda municipal. Segundo diálogos da operação Ave de Rapina selecionados pelos policiais federais, eles pressionaram e coagiram servidores da Guarda Municipal e da mesma secretaria a participarem de dois eventos políticos, em agosto e setembro de 2014, do pai do então prefeito César Souza Júnior, César Souza, candidato a deputado federal. >>Leia mais Policial Federal é investigado por crime eleitoral na campanha de Cesar Souza

novembro 30, 2016

Por decisão do júri popular, Marciano Carvalho dos Santos foi condenado a 14 anos de prisão em regime fechado pela morte da agente prisional Deise Fernanda Melo Pereira Alves. Segundo a denúncia do Ministério Público de Santa Catarina (MPSC), na noite de 26 de outubro de 2012, Marciano executou o crime a mando do Primeiro Grupo Catarinense (PGC) e por decisão dos líderes do 1º Ministério. Considerados pela acusação como integrantes deste comando da facção criminosa, Evandro Sérgio da Silva (Nego Evandro), Adílio Ferreira (Cartucho) e Gian Carlos Kazmirski (Jango) também foram condenados pelo homicídio e a penas que variam de 17 a 22 anos de prisão, além de associação criminosa para cometer o crime. >>Leia mais Júri popular condena acusados pela morte de Deise Alves

novembro 29, 2016
novembro 3, 2016
novembro 2, 2016

Auditoria do órgão federal identificou pagamentos ilegais, falta de controle no fornecimento da alimentação, uma série de irregularidades nas licitações que previam a aplicação dos recursos do Programa de Apoio à Alimentação Escolar, além falta de estrutura nas escolas inspecionadas
>>Leia mais CGU aponta ilegalidades na merenda escolar de SC

novembro 2, 2016

Para a Secretaria Estadual de Educação, o Acórdão nº 3.144/2014, de 12 de novembro de 2014, do Tribunal de Contas da União (TCU), encerrou a polêmica sobre a legalidade da terceirização da merenda escolar. “O documento é importante por que acaba com uma celeuma que existiu aqui e era muito grande. Se era ou não legal terceirizar a alimentação. O TCU diz que é legal mediante cardápio aluno dia conforme Santa Catarina fez em 2010. Para nós esse assunto é vencido”, afirma Osmar Matiola, diretor de Articulação com os Municípios da Secretaria Estadual de Educação. >>Leia mais TCU considerou legal terceirização da merenda em SC, diz Secretaria de Educação

outubro 14, 2016

Candidato do PMDB foi condenado a pagamento de multas por irregularidades na sua gestão na Fatma e como presidente da Câmara de Vereadores de Florianópolis pelo TCE-SC. Ex-prefeita da capital, a candidata do PP responde a duas ações na Justiça por improbidade além daquela em que foi condenada a perda dos direitos políticos por propaganda irregular pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ) e que acabou no último dia 11 garantindo sua participação no 2º turno.

>>Leia mais As pendências de Gean e Angela na Justiça e no Tribunal de Contas

outubro 14, 2016
outubro 14, 2016
setembro 26, 2016
setembro 21, 2016
setembro 15, 2016
setembro 13, 2016

Além de revelar ocultação de dois imóveis, documento da PF também informa que vereador de Florianópolis, denunciado pelo Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) na Operação Ave de Rapina, tem uma movimentação financeira incompatível com suas receitas declaradas ao Fisco no valor de R$ 502.471,87. O vereador candidato à reeleição Marcos Aurélio Espíndola, o Badeko (PHS), responde pelos crimes de concussão, corrupção passiva, advocacia administrativa e organização criminosa. >>Leia mais Polícia Federal afirma que Badeko cometeu crime de lavagem de dinheiro

setembro 10, 2016

Além de confirmar a reportagem do Farol publicada na última sexta-feira (9), a denúncia oferecida pelo Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) na Operação Ave de Rapina e relacionada com a tramitação do projeto de lei Cidade Limpa também revela detalhes da participação dos 10 vereadores denunciados para publicação de um decreto que beneficiou os empresários do setor de mídia exterior. >>Leia mais MPSC quer avaliar conduta de prefeito de Florianópolis

setembro 9, 2016
agosto 25, 2016
agosto 25, 2016

Unidade de saúde atingiu taxa de infecção de 60% de bactérias multirresistentes, segundo serviço de Vigilância Sanitária do Instituto. Para a médica e a enfermeira que assinam o comunicado, situação coloca em risco “a integridade de qualquer paciente que venha a ocupar um leito” e expõe possibilidade de transmissão cruzada dos microrganismos entre internados e servidores. >>Leia mais Comissão pede interdição do Instituto de Cardiologia de SC

agosto 18, 2016
agosto 4, 2016

Depoimentos registrados pela Justiça, que o Farol Reportagem teve acesso com exclusividade, relatam que ex-diretor de presídio catarinense espancava presos com porretes onde se lia o nome de analgésicos. Processos criminais contra agentes prisionais se arrastam na Justiça. Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) investiga outros possíveis crimes praticados no sistema prisional do Estado. 

Ser réu em um processo por crime de tortura e ter uma condenação a perda do cargo de agente prisional não impedira Josias Agustinho de Oliveira de assumir a direção da Unidade Prisional Avançada (UPA) no Extremo Oeste de Santa Catarina com o aval do Departamento de Administração Prisional (Deap).

Em dezembro de 2015, o juiz que analisa sua primeira acusação marcou audiência de julgamento apenas para fevereiro de 2017. O recurso sobre a condenação que poderia ter retirado o servidor das cadeias também está parado no Tribunal de Justiça desde março do ano passado.  

>>Leia mais Ex-diretor de presídio é investigado por torturar detentos que pediam ajuda médica em Maravilha (SC)

julho 25, 2016

Subprocuradora-geral, Vera Copetti, determinou que a promotoria da moralidade administrativa analise conduta de Luiz Eduardo Cherem e Júlio Garcia por retirada do nome de Cherem da lista dos condenados pela Corte de Contas enviada ao Tribunal Regional Eleitoral em 2014. O filtro concedido por norma interna beneficiou o ex-deputado que tem 12 condenações no TCE com a exclusão do nome da lista de possíveis impugnações de candidatura com base na lei da Ficha Limpa e estendeu o benefício a todos os condenados pelo TCE apenas com multas.

>>Leia mais Ministério Público investiga conselheiros do TCE em Santa Catarina

julho 14, 2016
Laudo elaborado por técnicos da Funarte revela falhas na estrutura do Teatro Ademir Rosa, no CIC
Laudo elaborado por técnicos da Funarte revela falhas na estrutura do Teatro Ademir Rosa, no CIC

Em entrevista ao Farol Reportagem, promotor Aor Steffens Miranda informa que abriu um inquérito civil para apurar a execução do contrato de reforma do Teatro Ademir Rosa (TAR) e apontar quais foram os gestores públicos que receberam as obras mesmo com irregularidades apontadas em laudo do Centro Técnico de Artes Cênicas (CTAC), da Funarte, como revelou ontem o Farol Reportagem com exclusividade.

>>Leia mais “O teatro do CIC já deveria ter sido fechado”, afirma promotor de Justiça

julho 13, 2016
palco tar (2)
Com espaço para 906 poltronas, Teatro Ademir Rosa, do CIC, é o maior de Santa Catarina

Documento elaborado por técnicos do órgão federal aponta para “risco crítico” de teatro que recebeu reforma de R$ 8,5 milhões em 2012. Mesmo após queda de vara de iluminação em fevereiro deste ano, que poderia ter causado acidente fatal, Presidência da FCC desconsiderou pedido de técnicos para cancelar agenda de eventos. Uma reunião entre órgão e construtora responsável pela reforma do teatro está marcada para a quinta-feira (14) e deve discutir irregularidades apontadas no laudo da Funarte. 

>>Leia mais Laudo da Funarte aponta risco de “colapso” em estrutura de Teatro do CIC

julho 8, 2016
descumprimento judicial
Trecho da decisão judicial da desembargadora Denise de Souza Luiz Francoski, em 07 de maio de 2015.

Dados do portal da Transparência revelam que recursos do Sistema Estadual de Incentivo à Cultura, ao Turismo e ao Esporte (SEITEC) continuam sendo usados na manutenção e custeio da estrutura administrativa da Secretaria. TJSC determinou bloqueio destes gastos por meio do sistema.

>>Leia mais SOL descumpre decisão da Justiça sobre aplicação de recursos do Seitec

julho 6, 2016
junho 29, 2016
junho 22, 2016
junho 22, 2016

Relatório do Tribunal de Contas (TCE-SC) afirma que medidas irregulares do Executivo ao manejar R$ 615 milhões em impostos devidos pela Celesc em 2015 são justificativas para enquadrar o governador Raimundo Colombo no crime de responsabilidade e em ato de improbidade administrativa. A íntegra do documento foi obtida com exclusividade pelo Farol.

>>Leia mais Auditoria aponta crimes nas contas de Santa Catarina

junho 21, 2016

O Farol Reportagem é uma iniciativa de comunicação em Santa Catarina cujo propósito é orientar leitores e cidadãos que buscam informação bem apurada num mar de notícias irrelevantes. Neste universo abrangente, destacamos três áreas em que o desconhecimento ou o direito a informação negado podem mudar o rumo de uma sociedade: dados públicos, direitos humanos e transparência.

>>Leia mais Uma luz para o jornalismo catarinense